FisioTrimTrim Fisioterapia Pediátrica

Espaço Saber

O Espaço Saber destina-se a abordar temas relacionados com a saúde dos mais pequenos. Procuramos responder a questões frequentes e mantê-lo informado sobre temáticas actuais. Gostaria de sugerir algum tema? Envie-nos um email com a sua sugestão.


Vamos brincar?

 

A Importância do Brincar no Desenvolvimento da Criança

Durante a Infância, a principal ocupação da criança é Brincar. Existe algo melhor que poder partilhar esse momento com o seu filho?

Brincar vai para além da imaginação, é um momento único de interação livre da criança com os pais, com brinquedos, com diferentes objetos ou materiais ou até mesmo com ela própria. Trata-se de um processo permanente de descobertas, experiências e de novas aprendizagens. A criança que brinca tem maiores vivências o que naturalmente a dota de maior inteligência, interesse e facilidade em momentos de novas aquisições.

 

FisioTrimTrim Fisioterapia PediátricaO Brincar também tem as suas etapas:

Os mais pequenos começam por brincar sozinhos e privilegiam brincadeiras que estimulem os seus sentidos (cores, texturas, sons, cheiros e gostos).

Aos 3 anos desenvolvem outro tipo de brincar, o jogo simbólico ou “faz de conta”. Imitam situações reais da vida diária como “fazer de conta que é a mãe e preparar o jantar” o que lhes permite relacionarem problemas e soluções e generalizarem para o mundo real.

A partir dos 5 anos, as crianças mostram preferência em brincar com os pares, incluindo os outros nas suas brincadeiras. Adquirem competências de regras de jogo e tomada de vez, entre outras. Aos 7 anos, a criança é capaz de se envolver em vários jogos e brincadeiras com maior grau de exigência, quer sozinha quer em grupo. 

 

O que os pais podem fazer…

- Incentivar o seu filho a brincar: estabeleça com ele um momento de brincadeira e participe na mesma. Vai poder conhecer melhor o seu filho descobrindo-lhe pontos fortes e algumas vulnerabilidades. O seu papel será de facilitador na brincadeira: poderá estruturar a atividade ou deixar que seja a criança a fazê-lo.

- Dar brinquedos diferentes ao seu filho:

FisioTrimTrim Fisioterapia Pediátrica

cada brinquedo tem as suas características, o que lhe despertará o interesse e estimulará as suas competências.

Escolha preferencialmente brinquedos / brincadeiras ricos em informação sensorial com diferentes cores, formas, texturas, etc.

Devem ter ainda em atenção a sua manipulação (as crianças pequenas necessitam de brinquedos de tamanho maior para o poderem manusear, enquanto que crianças mais velhas pedem brinquedos mais pequenos que exigem da sua parte maior destreza manual para a sua utilização).

Não descure as brincadeiras corpo a corpo como correr, jogar as escondidas, carrinho de mão, etc. que promovem o conhecimento do próprio corpo.


FisioTrimTrim Fisioterapia Pediátrica

 

Não se esqueça que o desenvolvimento da criança é único e o Brincar potencializa a autonomia, a imaginação, a criatividade, o pensamento, a atenção, a linguagem e aquisição de conceitos, as competências cognitivas e motoras, as emoções, entre outras.

 

 

 

Brincar é Aprender!