FisioTrimTrim Fisioterapia Pediátrica

Espaço Saber

O Espaço Saber destina-se a abordar temas relacionados com a saúde dos mais pequenos. Procuramos responder a questões frequentes e mantê-lo informado sobre temáticas actuais. Gostaria de sugerir algum tema? Envie-nos um email com a sua sugestão.


Como usas a tua mochila?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que, nos próximos anos, 85% da população sofrerá dores lombares devido à má postura e a mochilas pesadas

FisioTrimTrim Fisioterapia Pediátrica

A mochila é dos utensílios de transporte de material didático mais utilizado pelos estudantes, no seu trajeto de casa para a escola e vice-versa. Para muitos esta é a única forma de transportar o material necessário às suas atividades escolares, o que nem sempre é feito de forma correta.

Quais os problemas associados ao uso inadequado da mochila?

A forma incorreta de transportar a mochila e o peso excessivo desta são alguns dos aspetos que contribuem para alterações ao nível da postura e do desenvolvimento estrutural da coluna das crianças e jovens. O excesso de peso pode colocar pressões adicionais sobre as estruturas ósseas da coluna vertebral das crianças e adolescentes que se encontram em processo de desenvolvimento.

Como escolher a mochila adequada?

Disponíveis em diversos tamanhos e modelos, as mochilas devem ser anatomicamente adequadas aos estudantes. Além das cores e estampados dos seus heróis favoritos, eis alguns aspetos que deve ter em conta no momento da compra:

  • FisioTrimTrim Fisioterapia Pediátrica
  • - Escolha uma mochila leve - a mochila vazia não deve pesar mais de meio quilo;
  • - Escolha mochilas com duas alças, para uma melhor distribuição de peso e simetria durante o transporte;
    • - Escolha mochilas com alças acolchoadas, reguláveis e com uma largura mínima de 4 centímetros ao nível dos ombros;
    • - Prefira mochilas de estrutura rígida e acolchoadas nas costas;
    • - Opte por mochilas com cinto regulável na zona da barriga, para ajudar a repartir o peso entre os ombros e a região lombar;

     

 

O exercício físico também pode ajudar?

A prática regular de exercício físico ajuda as crianças na prevenção do aparecimento de deformidades músculo-esqueléticas precocemente, como é o caso da escoliose, com elevada taxa de prevalência entre os adolescentes. O exercício físico irá ainda despertar sensações de bem-estar que fará com que consigam diminuir os níveis de stress diários. As crianças podem ainda aprender como realizar exercícios de alongamento durante as aulas, para diminuir a tensão muscular resultante da posição permanente em sentado.
Se tem alguma dúvida ou gostava que esta informação fosse transmitida ao seu filho de forma lúdica e divertida contacte-nos e saiba mais um pouco sobre o nosso projeto Saúde na Escola.